6 de mar de 2009

Barra está livre da ETE
e moradores terão coleta

O presidente do Conselho Comunitário da Barra do Sambaqui
Manoel Marciano (Deca), assina um "recebido" do oficio do prefeito
Dário Berger com o anúncio das mudanças no projeto da Casan.


Comissão de moradores da Barra de Sambaqui e
Sambaqui na reunião de hoje à tarde na Prefeitura.


A estação de tratamento de esgoto (ETE) que vai atender o distrito de Santo Antônio de Lisboa não será mais instalada na Barra do Sambaqui, cujos moradores também vão ser contemplados com a rede de coleta. As informações foram transmitidas ontem através de ofício (ver abaixo) ao presidente do Conselho Comunitário da Barra do Sambaqui, Manoel Hercílio Marciano (Deca), assinado pelo prefeito Dário Berger e entregue em mãos pelo secretário de Habitação e Saneamento, Átila Rocha dos Santos em seu gabinete. Deca estava acompanhado por uma comissão de moradores de Sambaqui e Barra do Sambaqui e do representante da União Florianópolitana das Entidades Comunitárias (Ufeco), Modesto Azevedo, na reunião com os representantes da Prefeitura Municipal.

Em outro ofício, encaminhado ao presidente da Casan, Walmor de Luca, o prefeito solicita que seja dada uma resposta em 30 dias aos pedidos de alteração do projeto inicial (ver abaixo). É possível que a ETE a ser localizada em Ratones (mapa abaixo) tenha seus efluentes levados à Canasvieiras e de lá conduzidos até o oceano via emissário submarino. A alternativa foi proposta à Casan pelo secretário adjunto Nelson Bittencourt. Ele e o titular da secretaria de Habitação e Saneamento asseguraram aos moradores que o emissário não vai ser instalado sem um estudo de impacto ambiental que inclua as correntes marinhas. "Não é possível que o efluente lançado ao mar acabe voltando para as praias", disse Átila.

Outra medida anunciada ontem é que quatro representantes indicados pelo Conselho Comunitário da Barra do Sambaqui, vão acompanhar de perto a execução do projeto de esgotos do distrito. A entidade já fez contatos com técnicos da área de saneamento que estão dispostos a integrar essa comissão. Todas as informações transmitidas ontem vão ser discutidas com a comunidade na próxima terça-feira (10.3), às 20 horas, durante assembléia geral extraordinária do Conselho da Barra no salão paroquial da Capela de São Sebastião.


Ofício do prefeito ao presidente do Conselho
Comunitário da Barra do Sambaqui.



Expediente enviado por Dário Berger à Casan.

Nova localização da ETE que vai atender
o distrito de Santo Antônio de Lisboa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário