5 de mai de 2009

Poema de Célio Marciano

Fizemos a abertura
da Festa da Santa Cruz
coisa linda de se ver
gente erradiada de luz.

As pessoas admirada
com a reza da novena
a noite estava bem calma
com tranquilidade serena.

A festa muito animada
o povo com muita fé
ficaram até meia noite
e ninguém arredou o pé.

Todos estavam felizes
pois muita gente gostou
a festa foi um sucesso
pois muito se trabalhou.

Todos estão de parabéns
o intendente falou
a Barra faz festas linda
e a todos ele abraçou.

Até o Miguel Livramento
por aqui apareceu
contando algumas proezas
do lugar onde nasceu.

Salim Júnior também apareceu
no engenho do Amauri
coisa linda que ele fez
narrar o gol do Avaí.

Celso Martins dá um banho
com sua fotografia
para o Sambaqui na rede
coisa que a Barra não via.

Gente da terra cantou
suas músicas de raízes
como esses caras fazem
nosso povo aqui felizes.

Pessoal do pau de fita
por aqui também passou
isso é coisa de nativo
e muita gente dançou.

Coisa rara de se ver
não me sai do pensamento
o Zezinho aperta a mão
do tal Miguel Livramento.

Nosso povo é bem feliz
bem cortez e educado
venham todos junto a nós
pois terão bom resultado.

Eu já vou me despedindo
que já vem a madrugada
eu também estou cansado
também fiz a farinhada.

A todos deixo um abraço
um beijo no coração
nunca me senti poeta
faço com muita emoção.

Dedico estas poucas linhas
a minha comunidade
é escrita com prazer
é a minha felicidade.

Isto não é desabafo
é escrito para o povo
se Deus quiser outro ano
estaremos aqui de novo.

Célio Marciano, funcionário público federal (UFSC) aposentado
e pescador profissional, residente na Barra do Sambaqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário